Pular para o conteúdo principal

Mini-helicóptero em Marte promete novos modos de exploração

O mini-helicóptero da NASA será parte da missão Mars 2020, prevista para chegar ao Planeta Vermelho em fevereiro de 2021. Voar em Marte é particularmente complicado devido à sua atmosfera muito rarefeita (1% daquela experimentada ao nível do mar).

A sustentação próximo à superfície de Marte é o equivalente a 30.000 metros de altitude aqui na Terra.


Mike Wall (Space):
We envision helicopters opening doors to new types of exploration on Mars, Håvard Grip, flight-control and aerodynamics lead for the Mars Helicopter, said Wednesday (March 20) during a presentation with NASA's Future In-Space Operations (FISO) working group.

Ex Post #094 (14/5):
Quando a NASA enviar à Marte um novo rover [Mars 2020] para substituir o Curiosity em 2020, a missão levará à bordo um pequeno veículo de reconhecimento chamado Mars Helicopter. Mas em Marte, coisas tão prosaicas como fazer voar um helicóptero não são tão simples quanto parece à princípio.
No planeta vermelho, a atmosfera é 100 vezes mais rarefeita do que aqui na Terra o que obrigou os engenheiros a desenvolver um aparelho de pequenas dimensões, hélices especiais e peso não mais do que 1,8 Kg. 
Comparativamente, um helicóptero na Terra só obtém sustentação até 40 mil pés e a atmosfera na superfície de Marte é o equivalente a 100 mil pés na nossa.
Com isso, o máximo esperado é que o pequeno helicóptero faça apenas 5 voos autônomos durante o período de 30 dias. Ainda assim, cada viagem só poderá ter a duração de 90 segundos.

Mars helicopter. Credito: NASA Caltech/JPL

David Dinkinson (Sky & Telescope):
The Mars Helicopter mission is what NASA considers a high-risk, high-reward project. Like the Mars Cube One hitchhikers that launched with the InSight lander, the success of the primary mission isn't impacted by the performance of the Mars Helicopter demonstrator.
But if it's successful, the Mars Helicopter could pave the way for an exciting new generation of planetary explorers.



São Paulo, 25 de março de 2019

Assine o Feed        Apoie o Ex Post no Apoia.se

Ex Post #424

Twitter: @ExPostCo
MeWe: Aeronáutica & Espaço