Pular para o conteúdo principal

Rússia revela caça Su-57 versão exportação visando mercado do Oriente Médio

 A versão modificada do Su-57, potencialmente chamada de Su-57E, teve sua documentação submetida ao governo russo pela fabricante United Aircraft Corporation (UAC), disse Viktor Kladov, diretor de cooperação internacional e políticas regionais da Rostec - holding a qual pertence a UAC.

A documentação inclui termos relacionados à sanções de exportação da aeronave. A expectativa é que seja aprovada no prazo de semanas, diz o executivo.

A Rússia espera suprir a demanda de caças furtivos na região dominada pelos EUA os quais não permite a exportação de seus F-35 para países que não são aliados próximos.


Su-57 Export version. Credito: Defense World

Ricardo Barbosa (Tecno Militar):
O Sukhoi Su-57, codinome Frazor, desenvolvido dentro do programa PAK-FA, fez seu primeiro voo como T-50 no início da década de 2010, trata-se do primeiro caça de quinta geração russo com entrada em operação prevista para o início dos anos 2020.
Os russos, diferentemente dos americanos, adotaram uma abordagem conservadora na fusão de sensores de sua aeronave de quinta geração, aproximando-se nesse aspecto muito mais dos caças de quarta geração avançados do que dos caças de quinta geração.
A abordagem conservadora dos russos em sua aeronave de quinta geração pode ser reflexo das dificuldades encontradas durante o programa de desenvolvimento.

Su-57. Crédito: Vladislav Perminov



São Paulo, 31 de março de 2019

Assine o Feed        Apoie o Ex Post no Apoia.se

Ex Post #432

Twitter: @ExPostCo
MeWe: Aeronáutica & Espaço