Pular para o conteúdo principal

China pode utilizar caças Su-57 com propósitos de P&D e treinamento

Tendo recebido o total de 24 caças Su-35 adquiridos em 2015 a China terá a opção de partir para voos maiores numa eventual próxima etapa de negociações com a Rússia.

De acordo com o designer de aeronaves Wang Yongquing numa entrevista à publicação chinesa Global Times, a China estaria interessada nos caças russos Su-57 para fins de P&D e treinamento.

SU-57. Crédito: Sukhoi

Os Su-57 podem oferecer insights aos engenheiros chineses de como melhorar o design ou o processo de produção de seus caças J-20, especialmente se eles forem entregues com os novos motores Izdeliye 30.

J-20. Crédito: Wikipedia

No entanto, a configuração dos Su-57 que poderão ser exportados pela Rússia ainda é incerta.

Ex Post #432 (31/3):
A versão modificada do Su-57, potencialmente chamada de Su-57E, teve sua documentação submetida ao governo russo pela fabricante United Aircraft Corporation (UAC), disse Viktor Kladov, diretor de cooperação internacional e políticas regionais da Rostec - holding a qual pertence a UAC.
A documentação inclui termos relacionados à sanções de exportação da aeronave. A expectativa é que seja aprovada no prazo de semanas, diz o executivo.

A indústria militar da Rússia está jogando um jogo de longo prazo. Quer estabelecer o Su-57 como uma plataforma financeiramente solvente a ser usada na estratégia de phase out das aeronaves mais antigas se tornando, assim, uma referência de superioridade aérea nas próximas décadas.

Mark Episkopos (N. Interest):
Speaking at the LIMA-2019 Aerospace and Maritime exhibition, Rostec official Viktor Kladov looked to the future of the Sino-Russian arms trade:
"China has recently taken delivery of 24 Su-35 aircraft, and in the next two years will make a decision to either procure additional Su-35s buid the Su-35 within China, or to buy a fifth-generation fighter aircraft.
This could be another opportunity for the Su-57E."


São Paulo, 19 de abril de 2019

Assine o Feed        Apoie o Ex Post no Apoia.se

Ex Post #450

Comentários no Twitter: @ExPostCo
MeWe: Aeronáutica & Espaço