Pular para o conteúdo principal

Humanos na Lua em 2024: Lockheed Martin apresenta novo design do pousador

Na nova proposta, o posador lunar feito pela parceira Lockheed Martin pode ficar pronto em 5 anos diz a NASA. O veículo consiste de dois elementos: o inferior responsável pelo pouso e o superior para levar os astronautas de volta a órbita da Lua - a mesma lógica do módulo lunar das missões Apollo.

Concepção artística do pousador lunar. Crédito: Lockheed Martin

A diferença é que a parte usada para ascensão irá atracar com a estação orbital Gateway ao invés do Módulo de Comando como no programa Apollo. O transporte entre a Gateway e a Terra será feito por meio da nave Orion. 

Orion e Lander acoplados à Estação Gateway. Crédito: Lockheed


Loren Grush (The Verge):
A big advantage of this new Lockheed lander concept is that the company won’t be building the vehicle completely from scratch. 
Some of the same materials and systems used in Orion could be incorporated into this new lander, such as a lot of the internal equipment, flight computers, life support systems, and more.
Orion; concepção artística. Crédito: NASA

A versão anteriormente proposta do lander consistia num veículo de estágio único, ideia abandonada desde a determinação do VP Mike Pence para antecipar a missão para 2024.

Ex Post #269 (22/11):
Estratégia "human-class": além da nova ideia para desenvolver um pousador de três estágios, a NASA já conta com um conceito proposto pela Lockheed Martin, que seria um veículo grande, de estágio único, e pesando algo como 62 toneladas quando abastecido e 22 quando vazio.
Na visão da Lockheed, o abastecimento do lander seria feito em um depósito localizado nas vizinhanças da estão Gateway e com a habilidade de, eventualmente, fazer uso de propelentes produzidos a partir do gelo lunar. 



São Paulo, 10 de abril de 2019

Assine o Feed        Apoie o Ex Post no Apoia.se

Ex Post #446

Comentários no Twitter: @ExPostCo
MeWe: Aeronáutica & Espaço