Skip to main content

Posts

Showing posts from January, 2016

NASA retoma estilo "ônibus espacial" em novos contratos para transporte de carga

$14 bi USD até 2024 é o tamanho do investimento previsto pela NASA para financiar contratos com empresas privadas visando transporte de equipamentos, suprimentos e pessoal entre a Terra e a Estação Espacial Internacional (ISS).

Boeing, SpaceX, Orbital ATK e Sierra Nevada* são as empresas já contratadas com a garantia de realizarem um mínimo de 6 missões de ressuprimento cada uma.

A NASA também quer reduzir a dependência em relação à agência espacial russa, responsável pelo transporte de astronautas desde o descomissionamento dos ônibus espaciais.

SpaceX e Boeing deverão estar preparadas para o início dos testes com humanos, muito provavelmente, a partir de 2018, segundo a NASA. A expectativa era começar em 2017 mas, aparentemente, a agência americana ainda não está confiante nos níveis de segurança alcançados pelas terceirizadas. Lembram da explosão de um Falcon 9 em meados do ano passado?

As empresas devem trabalhar com o índice de tolerância de perdas para tripulações humanas de não…

GM investe $500 MM USD em concorrente da Uber

"Nós acreditamos que haverá mais mudanças no mundo da mobilidade nos próximos 5 anos do que houve nos últimos 50", disse Daniel Ammann, presidente da General Motors (ladeado pelos dois principais executivos da Lyft na foto) que irá se juntar ao board da concorrente da Uber, sediada em São Francisco.

GM e Lyft irão trabalhar juntas no desenvolvimento de redes de veículos autônomos*, uma área de pesquisa onde enormes quantidade de recursos têm sido investidos nos últimos anos por empresas como Google, Tesla, Uber, Ford - parceira do Google - e a maioria das grandes montadoras europeias e asiáticas.

A Uber, já levantou $10 bi USD em recursos até hoje e está avaliada em $62.5 bi USD [14 x o atual valor da Lyft], segundo anúncio feito nesta segunda-feira pelo NY Times.

ps: a Ford anunciou hoje que planeja triplicar para 30 o tamanho de sua frota de carros autônomos de testes como parte do seu esforço para acelerar o desenvolvimento de carros autônomos. 20 Ford Fusion híbridos irã…

Armas autônomas: é aí que mora o perigo!

A comunidade científica tem alertado a sociedade para os riscos acerca da utilização da inteligência artificial há anos. Em janeiro de 2015 um grupo deles subscreveu uma carta contendo uma lista de recomendações do que vale a pena pesquisar, objetivando assegurar que a IA permaneça robusta e benéfica para a humanidade.

Dentre as prioridades de pesquisa de curto prazo ligadas à questões legais e éticas, aquelas que se referem às armas autônomas me chamaram, especialmente, a atenção.

Questionam assim, cientistas e pesquisadores:

- Podem as armas autônomas letais serem feitas de tal modo a estarem sujeitas às leis humanitárias?

- Se assim que alguma organização vier a sugerir que as armas autônomas sejam banidas, é possível desenvolver uma definição precisa de autonomia para esse propósito e pode tal banimento ser implementado na prática?

- Se for permissível ou legal o uso de armas letais autônomas, como tais armas deveriam ser integradas na estrutura de comandos e controles, de tal mod…