Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2018

#314 - Dream Chaser cumpre certificação da NASA e é liberada para produção em série

A espaçonave de carga da Sierra Nevada Corporation (SNC) recebeu aprovação da NASA em 18/12 último e já pode entrar em linha de produção. Em dois anos estará pronta para a primeira missão à ISS.

Desde 2012 a SNC tem contrato com a NASA para desenvolvimento da Dream Chaser. Atualmente a SNC atua sob o contrato CRS2 (Commercial Resupply Services), concedido pela NASA em 2016 a mais duas empresas, à saber: SpaceX e Orbital ATK [atualmente Northrop Grumman Innovation Systems].

A expectativa, é que a maior parte da montagem e dos testes tenham sido realizados até outubro do ano que vem. O primeiro lançamento será feito com um foguete Atlas V da United Launch Alliance (ULA).
John Curry CRS-2 program director @SNC:
NASA’s acknowledgement that SNC has completed this critical milestone and its approval of full production of the first Dream Chaser spacecraft is a major indication we are on the right path toward increasing vital science return for the industry.

EP (fev/16):
A ideia começou em j…

#313 - Em busca de tecnoassinaturas NASA divulga resultado de workshop

Estamos sozinhos no universo? A busca por tecnoassinaturas é a mais nova estratégia da comunidade científica para obter essa resposta. Sob coordenação da NASA e com financiamento do Congresso dos EUA, o pontapé inicial das atividades foi dado em um workshop realizado em Huston, Texas, no último mês de setembro.

Dezenas de participantes representando organizações de pesquisa e universidades estiveram presentes no evento e subscreveram o relatório final.


Jason Wright (NASA):
On September 26–28, 2018, NASA hosted the Technosignatures Workshop at the Lunar and Planetary Institute in Houston, Texas, to learn more about the current field and state of the art for technosignatures searches and what role NASA could possibly play in the future in these searches.
O relatório final, divulgado em 28/11 próximo passado, encontra-se no seguinte documento: NASA and The Search for Technosignatures. Curiosamente, o asteroide de origem extrasolar Oumuamua é citado no relatório, como um objeto eventualme…

#312 - Caças furtivos como os F-22 podem ser rastreados. Mas e daí?

Militares chineses alegam há um par de anos que dispõem da capacidade de identificar caças furtivos dos EUA como os F-22 Raptors. Num dos relatos conhecidos, um desses caças teria sido observado sobrevoando o Mar da China Oriental em fevereiro de 2016.

Embora essa informação possa ser atribuída à mera propaganda governamental, é muito provável que os chineses possam mesmo rastrear os fabulosos Raptors. As tecnologias furtivas atrasam a detecção e o rastreamento das aeronaves, mas não podem ser consideradas como mantos de invisibilidade.

Yuan Can (People Daily):
Some Western media guessed that the unidentified objects might be the U.S. F-22 stealth fighter jets.  Military experts said that new type of Chinese Phased Array Radar is able to fulfill this task. Yin also said that F-22 is not totally stealth and meter-wave radar could detect the fighter. Radars arranged towards the East China Sea are able to find the F-22 stealth fighter jets, according to Yin. Besides, airborne early warni…

#311 - Nova arma hipersônica russa é real e representa grande ameaça ao ocidente

Testes recentes do míssil estratégico Avangard (a.k.a Objekt 4202) comprovam o progresso das armas hipersônicas desenvolvidas pela Rússia. A confirmação foi feita pelo presidente Vladimir Putin nesta quarta-feira (26/12), segundo a principal agência de notícias do país.

A nova arma, também classificada como um planador (glider), é capaz de realizar voos intercontinentais e alcançar velocidades da ordem de Mach 20, segundo declaração de Putin em um discurso feito no dia 1o de março para o parlamento russo.


À época, as declarações de Putin foram tratadas com ceticismo por analistas militares do ocidente, afirmando tratar-se de um blefe do Kremlin, que estaria sinalizando à OTAN uma capacidade que não teria de fato. Eventos, subsequentes, no entanto, demonstraram o contrário. Tais armas são reais e representam níveis variados de ameaça estratégica.

Agência Tass:
The test was completely successful: all technical parameters were verified. On my instructions the industrial enterprises and th…

#310 - Novo bombardeiro Tupolev segue em ritmo acelerado para operar em 7 anos

Previsto para a 2a metade dos anos 2020, o Tupolev PAK DA* segue em ritmo acelerado de pesquisa e pode ter sua operação autorizada entre 2025-2028, disse Viktor Bondarev, ex-comandate da Russia Aerospace Force (VKS), em uma entrevista para a Agência Tass. 
A expectativa é que o PAK DA substitua todos os atuais bombardeiros estratégicos na próxima década. A produção está a cargo da United Aircraft Corporation, um conglomerado que abriga quase todos os produtores de aeronaves do país.
*o acrônimo PAK DA significa literalmente "complexo de aviação prospectivo para aviação de longo alcance"
Charlie Gao (National Interest): The actual shape and look of the PAK-DA is unknown outside of some publicity renders. Dmitry Rogozin has stated that the aircraft will be of a flying wing design. It’s not sure if this will be a simple wing similar to the B-2 Spirit, or whether there will be additional control surfaces protruding from the wing. Publicity renders have shown both configurations…

#309 - Starship: Musk revela montagem da nova geração de naves reutilizáveis da SpaceX

Uma imagem da Starship [ex-Big Falcon Rocket ou BFR] em fase de montagem foi divulgada nesta véspera de Natal por Elon Musk. Em seu Twitter, é claro.

A foto, feita no site da SpaceX em South Texas, revela uma seção cônica próxima a um cilindro com pernas de pouso, construídos em aço inoxidável, segundo o CEO da SpaceX.

Musk parece ser um admirador de Sergei Korolev, famoso administrador do programa espacial da URSS nos anos 1960, que adotava a fórmula de projetar, testar e lançar seus veículos até que tudo desse certo.

Stainless Steel Starship pic.twitter.com/rRoiEKKrYc — Elon Musk (@elonmusk) 24 de dezembro de 2018
O protótipo da SpaceX é uma Starship em versão "mini" criada para realização dos teses iniciais. A modificação foi anunciada em novembro último quando a nave ainda não havia sido rebatizada.

EP #250 (8/11):
Elon Musk pretende lançar em junho do próximo ano uma versão reduzida da espaçonave que irá levar os primeiros humanos à Marte no início da próxima década. Os…

#308 - InSight: acompanhe a timeline de ativação dos instrumentos em Marte

Passados 24 dias marcianos (sols), recebemos as primeiras imagens do sismômetro da missão sendo posicionado a pouco mais de 1,6 metro de distância do pousador InSight.

Os passos seguintes, segundo o timeline divulgado pela NASA, são: nivelar o instrumento [que está em um local com inclinação muito suave entre 2 e 3 graus] e cobri-lo com uma cúpula para proteção contra as fortes variações de temperatura e do vento [vide Sols 32-43 abaixo]. 

Sols 0 - 5: inicialização do módulo e preparação para implantação dos instrumentos.Sols 6 - 18: caracterização pelas câmeras do espaço disponível para posicionamento dos instrumentos e seleção dos locais potencialmente mais adequados para implantação.Sol 7 (ciência): iniciação da coleta de dados RISE* (geodésia).Sols 19 - 31: implantação do sismômetro SEIS**. Início das medições no modo de engenharia.Sols 32 - 43: implementação do Wind and Thermal Shield ( WTS ) do sismômetro. Início das medições científicas do SEIS (monitoramento) do sol 40. Braço…

#307 - INPE fecha contrato para lançamento do satélite Amazônia-1

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) anunciou o acordo nesta terça-feira (18/12). O projeto do satélite foi todo feito no Brasil incluindo design, integração, teste e operação. O Amazônia-1 será colocado em uma órbita de polo a polo numa altitude de 760 Km.


O contrato, que inclui a logística de lançamento, foi fechado com a Spaceflight, uma empresa especializada nessa área com sede em Seattle, EUA. O Amazônia-1, com sua massa de 700 kg será levado ao espaço em 2020 no todo do foguete indiano Indian Polar Satellite Launch Vehicle (PSLV).

INPE:
A Missão Amazonia irá fornecer dados (imagens) de sensoriamento remoto para observar e monitorar o desmatamento especialmente na região amazônica e, também, a diversificada agricultura em todo o território nacional com uma alta taxa de revisita, buscando atuar em sinergia com os programas ambientais existentes. O lançamento do Amazonia-1 representa também a validação em voo da Plataforma Multimissão (PMM), que pode ser utilizada em d…

#306 - Astronautas retornam da ISS em Soyuz que apresentou vazamento

Três astronautas da ISS retornaram à Terra nesta quinta-feira (20/12) após 6 meses de atividades no espaço. A Soyuz MS-09 utilizada para retorno foi a mesma que os levou como parte da Expedition 56 em junho e que apresentou vazamento de pressão dois meses após ter atracado na estação espacial.

#171 (31/8):
Controladores de voo em Houston e Moscou notaram nesta quarta-feira (29/8) uma queda de pressão na cabine por volta das 2300 GMT enquanto os 6 membros da tripulação da Expedição 56 estavam dormindo, segundo declaração da NASA.  Mais tarde, nesta quinta-feira, um novo boletim da Agência deu conta de que os astronautas haviam vedado um pequeno vazamento na nave Soyuz MS-09 acoplada no segmento russo da estação espacial. A causa provável foi o impacto de um micrometeorito. 

Informações divulgadas posteriormente deram conta de que o furo foi feito pelo lado de dentro da cápsula. A investigação ainda não foi concluída (ou o resultado não foi divulgado pela agência espacial russa, Roscosmo…

#305 - InSight: pousador da NASA em Marte ensaia movimento de instrumentos

Imagens divulgadas pela NASA mostram a garra do braço robótico da InSight pinçando o sismômetro que em breve será posicionado no solo do planeta. A sonda posou em Marte no dia 26/11 próximo passado e desde então tem enviado fotos e ensaiado pequenos movimentos.
As ações estão ocorrendo antes do esperado, uma vez que no dia do pouso os controladores da missão informaram que levariam de dois a três meses para fazer o deployment dos instrumentos. 

A missão está programada para durar 1 ano (quase 2 anos terrestres).


EP #234 (20/10):
A sonda InSight foi lançada ao espaço em 5 de maio último no topo de um foguete Atlas V da United Launch Alliance (ULA) - um empreendimento conjunto da Lockheed Martin Space Systems e Boeing Defense, Space & Security, criado em 2006 e com sede no Colorado. Eram 7:05 a.m., hora local da base aérea Vandenberg, quando o lançador da ULA rasgou os céus da Califórnia a caminho de uma das mais importantes missões científicas atribuídas a um pousador em Marte, qu…

#304 - Highlights da NASA em 2018

A NASA nos oferece um apanhado das iniciativas e vitórias alcançadas em 2018, muitas delas durante a administração de Jim Bridenstein, iniciada em abril. Não são poucas. 
A grande maioria delas nós cobrimos aqui no Ex Post. Confiram. 

1) Police Directive -1. Estabelece as diretivas para a exploração humana (e robótica), de longo prazo e sustentável da Lua como precursora de eventuais missões em Marte.  EP #079 (23/4)
2) "Mobile Launcher Platform": base de lançamentos de foguetes modificada para lançamento do Space Launch System (SLS)
3) Testes com sucesso dos motores do SLS
4) Entrega do módulo de serviço por parte da ESA, que irá suportar a ORION nas missões tripuladas, provendo propulsão, energia e ar-condicionado.  EP #246 (5/11)
5) Prática de recuperação da Orion e do seu sistema de paraquedas no Oceano Pacífico
6) Anúncio de parcerias com empresas americanas visando o transporte de cargas científicas para a superfície da Lua.  EP #280 (30/11)
7) Solicitação de inputs à…

#303 - Boeing e Embraer aprovam acordo incluindo o cargueiro KC-390

Boeing e Embraer anunciaram nesta segunda-feira (17/12) a aprovação do acordo para formação de uma joint venture que seria controlada pela gigante americana (80% do capital social) e com a participação 20% pertencente à Embraer.

A Embraer terá poder de decisão sobre “alguns” temas estratégicos, diz o comunicado. Dentre eles, a empresa brasileira poderia ter o poder decisório de uma eventual transferência das operações da joint venture para fora do Brasil.

O acordo, no valor de $5,3 bi USD vai agora para aprovação dos acionistas e do governo brasileiro.


A parceria, no entanto, não se restringiu ao setor de aeronaves comerciais. As duas empresas concordaram também em trabalhar juntas para promover e desenvolver novos mercados para o KC-390.

Reuters:
Pelos termos do acordo, Boeing e Embraer também acertaram criar uma segunda joint-venture para promover a venda do cargueiro KC-390, a maior aeronave já desenvolvida no Brasil. Nesta joint-venture, a Embraer terá 51 por cento de participação…

#302 - COP24: acordo sobre o clima não é ambicioso o suficiente dizem os críticos

Cerca de 200 países superaram suas diferenças políticas neste sábado (15/12) para chegar a um acordo sobre as regras de implementação de ações climáticas a nível global. Para os mais críticos, no entanto, ele não é suficientemente ambicioso para evitar os efeitos das mudanças climáticas.
Como resultado do encontro de duas semanas realizado em Katowice, Polônia, os ministros produziram um livro de regras com 156 páginas, divididos por temas, que assinala como os países irão relatar e monitorar suas promessas nacionais e atualizar os seus planos de emissões.

Para a ministra do Meio Ambiente da Espanha, Teresa Ribeira, o livro de regras "é suficientemente claro para operacionalizar o Acordo de Paris e isso é uma boa notícia.

Nas circunstâncias atuais, continuar a construir o nosso edifício já é uma vitória". Diz ainda que gostaria que tivessem produzido "mensagens bastante mais fortes" durante o encontro.

No campo das divergências, EUA, Arábia Saudita e Rússia se rec…

#301 - Venezuela: Washington oferece ajuda humanitária, Rússia envia bombardeiros

Em meio a tragédia que se abate no país vizinho, os russos enviam bombardeiros TU-160 e outros aviões militares para realizar exercícios aéreos na região, enquanto os EUA oferecem ajuda humanitária.

A comparação, em tom crítico, foi feita essa semana pelo porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, Robert Manning.

A comitiva formada por 2 Tupolev Tu-160, 1 Antonov An-124 Ruslan e 1 Ilyushin II-62, chegou à Venezuela na última segunda-feira (10/12) e já retornou ao seu país, informou o Ministério da Defesa da Rússia nesta sexta-feira (14/12).


Para o ministro da Defesa da Venezuela, Vladimir Padrino, "ninguém no mundo" deveria temer a presença dos russos na região porque os dois países são "construtores da paz, não da guerra".

Os voos conjuntos - entre aeronaves da Força Aérea Venezuelana (SU-30 MK2 e F-16) e as Forças Aeroespaciais da Rússia - foram realizados com sucesso, incluindo as interações entre os aviões e os controladores de voo acerca da terminologia de c…

#300 - Missão chinesa com rover de exploração entra em órbita da Lua

A nave chinesa Chang'e-4 lançada no último dia 8/12 entrou órbita da Lua nessa quarta-feira (12/12) às 8:45h no horário de Beijing, segundo a China National Space Agency via Xinhua news. A expectativa é que o pouso ocorra nos primeiros dias de janeiro.

Nos próximos 20 dias, os engenheiros testarão o link de satélite (Queqiao) com a Terra e farão ajustes de órbita para garantir uma maior assertividade do local do pouso. Outro motivo importante é aguardar o nascer do Sol na região da alunissagem.

Luyuan Xu (Planetary Society):
The far side of the Moon is not the “dark side”, it has daytime and nighttime as we do. The difference is one lunar day is much longer, with about 14 earth days of daytime and about 14 earth days of nighttime. The Sun will rise again around the New Year, so Chang’e-4 will probably land in the first few days of January 2019. The slow pace of sunrise and sunset will control the activity of Chang’e-4’s rover.  You can check to see where it is day and night on t…

#299 - SpaceShipTwo alcança limite suborbital pela primeira vez

Levada por sua nave-mãe WhitKnightTwo, a VSS Unity da Virgin Galactic bateu seu próprio recorde de altitude, nesta quinta-feira(12/12), em mais um de seus testes propulsionados.

A nave suborbital, que em breve estará levando os primeiros turistas em passeios pelo limiar do espaço, alcançou a altitude de 82,7 Km após a ativação de seu motor por 60 segundos, segundo a empresa.

Congrats to @VirginGalactic on SpaceShipTwo successfully flying to suborbital space with our four @NASA_Technology payloads onboard. With a good rocket motor burn, the mission went beyond the 50-mile altitude target. Learn more about our tech onboard: https://t.co/CnVFu1eSQzhttps://t.co/D1AhE1Uzxm — NASA (@NASA) 13 de dezembro de 2018

EP# 298 (12/12):
O lançamento é feito no mesmo padrão dos testes que a Virgin Galactic tem feito nos últimos anos. O White Knight Two transporta a VSS Unity (o segundo SpaceShipTwo a ser construído*) até 45.000 pés, onde seu foguete é acionado rumo ao limiar do espaço na altitude de 1…

#298 - Turismo espacial: Virgin Galactic testa limites de voo a partir desta quinta-feira

Novos testes com a SpaceShipTwo prometem cruzar a fronteira do espaço a partir desta quinta-feira (13/12) em seu quarto voo com os propulsores ligados. 

Virgin Galactic Flight Test (12/12):
During this phase of the flight program we will be expanding the envelope for altitude, air speed, loads, and thermal heating. We also plan to burn the rocket motor for durations which will see our pilots and spaceship reach space for the first time. Although this could happen as soon as Thursday morning, the nature of flight test means that it may take us a little longer to get to that milestone.O lançamento é feito no mesmo padrão dos testes que a Virgin Galactic tem feito nos últimos anos. 

A White Knight Two transporta a VSS Unity (o 2o SpaceShipTwo a ser construído) até 45.000 pés, onde seu foguete é acionado rumo ao limiar do espaço na altitude de 100 quilômetros, a conhecida Linha de Karman - padrão adotado pela Federação Internacional de Astronáutica (IAF).

A Virgin Galactic, no entanto, adota …

#297 - Bombardeiros Tu-160 "Blackjack" em exercício na Venezuela: visitantes incômodos

Essa é a terceira visita dos Blackjacks à Venezuela nos últimos 10 anos. Na anterior, em outubro de 2013, dois Tu-160 decolaram da Base Aérea de Engels, na região de Volga, sudoeste da Rússia, pousando também no principal aeroporto de Caracas.

As alegações do Ministério da Defesa da Rússia à época, parecidas com as de agora, diziam que o voo estava "alinhado com os programas de treinamento de combate", segundo a antiga agência de notícias russa Ria Novosti.


Durante o trajeto entre a Rússia e a Venezuela, os Blackjacs foram seguidos por dois F-16s da Noruega e depois por dois Eurofighter Typhoon FGA.4 da Royal Air Force (UK), estes armados com mísseis ar-ar MBDA Meteor. Os caças ingleses decolaram da Base Aérea de Brize Norton a noroeste de Londres.

O envio dos bombardeiros russos à Venezuela, que ocorre cinco dias após o encontro entre os presidentes dos dois países, é um sinal de que a Venezuela terá apoio internacional a seu sistema de defesa, "just in case".

Doi…

#296 - US Air Force quer mais 74 esquadrões para se manter à frente da China e da Rússia

A menos que embarque numa expansão do seu arsenal de armas, das suas principais plataformas de ataque e de suas tecnologias de combate, a Força Aérea dos EUA se colocará atrás da China e da Rússia até 2025, conclui Kris Osborn, que já foi especialista do Pentágono, em seu artigo para a Defense Maven.

Kris Osborn citando a secretária da Força Aérea, Heather Wilson:
The National Defense strategy tells us we need to be able to defend the homeland, provide nuclear deterrence and win wars against major powers while countering rogue nations... The Air Force is too small for what the nation expects of us. Numa análise das ameaças, das exigências das missões e de tecnologias emergentes perigosas, a USAF fez um pedido para aumentar de 312 para 386 o número de esquadrões operacionais da Força, diz Osborn. O plano inclui 22 novos esquadrões de Comando e Controle da ISR, mais 7 esquadrões de combate e mais 5 de bombardeiros.

No final da Guerra Fria, a USAF tinha 401 esquadrões operacionais. Críti…

#295 - Sonda OSIRIS-REx descobre água no encontro com asteroide Bennu

Após uma jornada de 2,2 milhões de quilômetros, a sonda da NASA OSIRIS-REx* entrou em agosto último na fase de aproximação do asteroide Bennu, até chegar, na semana passada (3/12), a uma distância de apenas 19 Km do objeto.

Foi nesse período que os espectrômetros a bordo da OSIRIS-REx revelaram a presença de hidroxilas - moléculas que contêm oxigênio e hidrogênio ligados - na superfície de Bennu.


* OSIRIS-REx: Origins Spectral Interpretation Resource Identification Security Regolith Explorer

Release 18-114 (NASA):
The team suspects that these hydroxyl groups exist globally across the asteroid in water-bearing clay minerals, meaning that at some point, Bennu’s rocky material interacted with water. While Bennu itself is too small to have ever hosted liquid water, the finding does indicate that liquid water was present at some time on Bennu’s parent body, a much larger asteroid.

The spacecraft’s first orbital insertion is scheduled for Dec. 31, and OSIRIS-REx will remain in orbit until mi…

#294 - Voyager 2 alcança o espaço interestelar repetindo o feito de sua parceira em 2016

Dois anos após o feito realizado pela sonda Voyager 1, a Voyager 2 acaba de ultrapassar os limites da heliosfera - a bolha de proteção constituída por partículas e campos magnéticos criados pelo Sol.

A Voyager 2 foi lançada em 1977, 16 dias antes da Voyager 1. As informações foram divulgadas nesta segunda-feira (10/12) pela NASA.

Importante lembrar que o espaço interestelar não é limite do Sistema Solar. O limite do Sistema Solar, de acordo com a astronomia, está além da borda externa da Nuvem de Oort - uma coleção de pequenos objetos que ainda estão sob a influência da gravidade do Sol. Estima-se que a largura da Nuvem de Oort (NO) comece a 1 mil unidades astronômicas (UA) e se entenda acerca de 100 mil UA. Baseado nesse estimativa a Voyager 2 alcançará a borda interna da NO em cerca de 300 anos e 30 mil anos para voar além dela.

Release 18-115 (NASA):
Voyager 2 now is slightly more than 11 billion miles (18 billion kilometers) from Earth. Mission operators still can communicate with …

#293 - F-35: testes críticos de combate, um novo obstáculo para o caça da Lockheed

Um memorando de agosto desse ano, deu conta de que o programa não atendia até aquele momento os requisitos necessários para o Initial Operational Test & Evaluation (IOT&E). Ainda assim, a Lockheed Martin já entregou 340 F-35 os quais se encontram operando em 15 bases mundo afora.

A informação, obtida pelo Center for Defense Information at the Project On Government Oversight (POGO), teria sido divulgada por um diretor de testes do Pentágono. Segundo ele, o IOT&E estaria sendo postergado até que todas as questões envolvendo o software da aeronave fossem endereçadas.

Dan Grazier (National Interest):
The memo, issued on August 24, 2018, says the program has not met the necessary entry criteria to begin the crucial combat-testing phase called Initial Operational Test and Evaluation (IOT&E). It comes on the heels  of the revelation , reported first by POGO, that program officials have been trying to make it appear as though the program has completed the development phase, by…

#292 - Acordo espacial: Japão e Índia na trilha das grandes potências

Japão e Índia reconhecem, através de acordo, a importância estratégica da monitoração conjunta nas áreas espacial e oceânica. Trata-se, em parte, de não perder de vista os avanços dos EUA, da China e da Rússia nessa área, reforçando as capacidades individuais de defesa dos dois países. O Japão já colabora com a Índia na exploração da zona polar lunar.

Ahmed Sherrif (The Better India, jan/18):
India and Japan, the two leading economic powers of Asia, are teaming up for a mission to the moon to explore its polar regions for water and to counter China’s prowess in space exploration. The mission thus highlights the rising importance of Asia in space, and the geopolitical reaction in the region to China’s rise. Japan will most probably provide the launch vehicle for the planned mission, as its H2-B rocket can carry several hundred kilograms, as opposed to India’s largest rocket which has the capacity to carry only 50kg–70kg.
O Japan-India Space Dialogue foi assinado pelos primeiros-ministro…

#291 - 104 exoplanetas são confirmados com dados de Gaia e K2

Em mais uma contribuição dos telescópios Kepler (NASA) e Gaia (ESA), uma equipe da Universidade de Tóquio confirmou a existência de mais 104 exoplanetas. 60 deles foram obtidos com dados dos dois telescópios espaciais e os restantes a partir da combinação com informações de outros telescópios espaciais e terrestres.

Sete exoplanetas fazem parte da designação PPUC - Planetas de Período Ultra-Curto, ou seja, mundos que completam a órbita em volta de suas estrelas em menos de um dia.

Os pesquisadores trabalhavam em conjunto com o pessoal do Centro de Astrobiologia do National Institute of Natural Science na investigação de 227 exoplanetas candidatos quando fizeram a descoberta.

Para John Livingston, estudante de Ph.D da Universidade de Tóquio e autor do artigo publicado no Astronomical Journal:
Although the Kepler Space Telescope has been officially retired by NASA, its successor space telescope, called TESS, has already started collecting data. In just the first month of operations, TE…

#290 - SpaceX e NASA reprogramam voo de teste da cápsula Crew Dragon

O adiamento por 10 dias [para 17/1] dará tempo para o retorno da 16a missão de ressuprimento da ISS atualmente em curso. A SpaceX disputa com a Boeing a primazia do transporte de astronautas para a Estação Espacial Internacional.

EP #267 (21/11):
O aguardado voo inaugural da nova espaçonave da SpaceX, homologada para levar astronautas ao espaço, foi agendado para o dia 7 de janeiro próximo, segundo anúncio oficial da NASA nesta quarta-feira (21/11). A missão de teste, chamada Demo-1 não levará astronautas a bordo. A NASA tem um interesse especial nessa solução da SpaceX, um vez que o fim do contrato com a Roscosmos para voos tripulados se encerra no final de 2019. A NASA tem até o final de 2018 para confirmar o cancelamento das missões. A Crew Dragon será levada ao espaço por um foguete Falcon 9, decolando do Launch Complex 39A no Kennedy Space Center na Flórida. A 39A é conhecida como a base de lançamento de onde partiram as famosas missões Apollo nos anos 60 e 70.


São Paulo, 8 de dez…

#289 - Por inadimplência Justiça manda Avianca devolver 13 aeronaves

Duas empresas de leasing entraram com ações na Justiça pedindo a devolução de 13 aeronaves da Avianca Brasil por extensas dívidas acumuladas. Algo como R$1,1 bilhão com vencimento no prazo de um ano, segundo dados da ANAC (jun/18).

Para evitar a tomada dos aviões, a empresa poderia entrar com pedido de recuperação judicial, porém a Avianca Brasil não se movimentou nesse sentido, dando preferencia a negociação direta com as requerentes.

Em nota a Avianca explica:
A Avianca Brasil explica que negociações fazem parte da rotina de qualquer empresa para otimização de resultados e esclarece que processos como esse são previstos pela companhia. A Avianca Brasil nega qualquer rumor relacionado a um possível pedido de recuperação judicial e reforça que suas operações não foram ou serão impactadas. Fatores externos como a alta do dólar, o aumento histórico do preço do combustível de aviação e a greve dos caminhoneiros têm desafiado todo o setor em 2018.  Nesse contexto, é natural e previsto que…

#288 - Missão GEDI: ajudando a entender o comportamento da Terra como um sistema vivo

A Expedition 57 da NASA leva a bordo da ISS o Global Ecosystem Dynamics Investigation LIDAR* (GEDI) - uma missão para medir como o desflorestamento tem contribuído para as concentrações de CO2 na atmosfera.

O instrumento (LIDAR), que chega à Estação Espacial Internacional no próximo sábado (8/12), será conectado à ISS visando prover as primeiras observações em alta resolução da estrutura vertical das florestas em escala global.

* Light Detection and Ranging

Kathryn Hambleton (NASA):
The Global Ecosystem Dynamics Investigation (GEDI) will provide high-quality laser ranging observations of the Earth’s forests and topography required to advance the understanding of important carbon and water cycling processes, biodiversity, and habitat. GEDI will be mounted on the Japanese Experiment Module's Exposed Facility and provide the first high-resolution observations of forest vertical structure at a global scale. These observations will quantify the aboveground carbon stored in vegetation …

#287 - Acidente entre KC-130 e F/A-18: fuzileiro encontrado está em avaliação. Seis ainda estão desaparecidos

Um Marine F/A-18 e um C-130 dos EUA colidiram durante reabastecimento aéreo em Iwakuni, Japão. Ambos caíram no mar nesta quinta-feira (6/12). Cinco tripulantes estavam a bordo do C-130 e dois no caça F-18. As buscas pelos outros 6 continuam.


O acidente ocorreu por volta das 2:00 a.m. no horário local, 14:00h de 5/12 pelo horário de Brasília, enquanto as duas aeronaves realizavam um treinamento de rotina. As circunstâncias estão sob investigação, segundo os U.S Marines pelo  Twitter.



Tom Demerly (The Avionist):
The F/A-18 Hornet is a one or two-seat multi-role, twin engine tactical jet aircraft and the C-130 and its many versions including the U.S. Marine KC-130 aerial refueling variant is a large, four-engine turboprop used for numerous cargo, support and special missions by every branch of the U.S. military.



São Paulo, 6 de dezembro de 2018