Skip to main content

Apple anuncia contribuição de $350 bi USD para a economia americana

O anúncio foi feito nesta terça-feira (17/1) via comunicado à imprensa.  A iniciativa também irá gerar 20 mil empregos diretos ao longo dos próximos 5 anos. "Acreditamos profundamente no poder da engenhosidade americana e estamos concentrando nossos investimentos em áreas onde podemos ter um impacto direto na criação de empregos e na formação de profissionais. Temos um profundo senso de responsabilidade para devolver ao nosso país e às pessoas que ajudam a tornar o nosso sucesso possível", disse Tim Cook.

Os novos postos de trabalho serão alocados nos escritórios já existentes e em um novo prédio que irá abrigar equipes de suporte técnico, em um local a ser anunciado ainda em 2018. O anúncio de Cupertino no dia de hoje não chegou a ser uma surpresa.

A repatriação de enormes quantias de dinheiro, especialmente da parte de grandes empresas do Silicon Valley, estava prevista pelo menos há um ano atrás quando o presidente eleito Trump confirmou a promessa de um nova politica fiscal que viabilizaria todo o processo. Em artigo para a Recode, Kara Swisher explicava quais motivos teriam os líderes "tech" do Silicon Valley para apoiar as propostas de Trump. Vejam aqui como foi.