Skip to main content

Waymo vai atrás da Uber e o dia está mais próximo do que você imagina!

Se aproxima o dia em que veremos os veículos da Waymo competindo com os serviços da Uber em cidades americanas. Não está claro ainda se os veículos da empresa que pertence a Alphabet já estarão em modo autônomo desde o primeiro dia de operação, mesmo considerando a surpreendente declaração de Ruth Porat, CFO da Alphabet, durante o call com investidores no último dia 1/2. Disse ela:
Riders will be able to use a Waymo app to hail one of our fully driving, self-driving cars without a driver at the wheel
A Waymo já realiza testes em 5 Estados com minivans modelo Chrysler Pacifca adaptados para direção autônoma. Algo como 600 delas já foram adaptadas e milhares fazem parte de um acordo assinado com a Fiat Chrysler Automobiles (FCA). Sobre ele, disse o CEO da FCA, Sergio Marchionne:
In order to move quickly and efficiently in autonomy, it is essential to partner with like-minded technology leaders. Our partnership with Waymo continues to grow and strengthen; this represents the latest sign of our commitment to this technology. 
crédito: Techcrunch

Para o CEO da Waymo, John Krafcik:
With the world’s first fleet of fully self-driving vehicles on the road, we’ve moved from research and development, to operations and deployment. The Pacifica Hybrid minivans offer a versatile interior and a comfortable ride experience, and these additional vehicles will help us scale. 
A Uber, por sua vez, não está muito atrás nessa corrida para implementar seu serviço de ride-hailing com veículos autônomos, nem poderia. No último trimestre de 2017 a Uber pagou $8 bi USD de remuneração aos seus motoristas, valor esse que representa 72% de sua receita bruta para o trimestre. A Uber fechou com perda de $4.5 bi USD no ano passado com uma receita bruta de $37 bi USD. E quanto à sua frota, vale lembrar que a Uber já realiza testes com Volvos XC90 (100 deles autônomos) em Pittsburgh desde meados de 2016, e que no final no ano passado, fez um acordo semelhante ao da Waymo encomendando 24 mil veículos autônomos junto à própria Volvo.