Skip to main content

#060 - Elon Musk anuncia Tesla Maps; Uber e Facebook na mira da Justiça, do Parlamento e do povo

Boa terça-feira amigos. Tesla Maps é o novo sistema de navegação que vai ser liberado neste final de semana pela Tesla Motors. Em teste há meses, o Maps é uma revisão completa do sistema de navegação atual cujo código, desenvolvido por terceiros, é considerado "uma caixa preta". A nova versão, segundo Musk, estaria a anos-luz do sistema atual. Os proprietários não veem a hora de baixar e experimentar a atualização!

- A Uber fez pouco progresso com seus veículos autônomos em 2017, segundo dados obtidos pelo NY Times. A empresa não consegue atingir a meta autoimposta de 13 milhas sem que o motorista tenha que pegar de volta o controle do veículo. Longe disso, considerando os dados obtidos pelo site Recode de março/17, época em que a performance era de apenas 0,8 milhas sem intervenção. A Uber, por sua vez, argumenta que um único indicador não é um indicador claro do nível de segurança oferecido por um veículo autônomo. Para efeito de comparação, a taxa de intervenção obtida pela Waymo na Califórnia é de uma intervenção humana para cada 5600 milhas!!

- O governador do Arizona enviou nesta segunda-feira (26) uma carta a Dara Khosrowshahi, CEO da Uber, ordenando a companhia a suspender por tempo indeterminado os testes com veículos autônomos em todo o  Estado:



Os suecos da Volvo [ou seria melhor dizer os "chineses"], a essa altura, devem estar sentindo a sua reputação quase centenária indo para o ralo junto com a de sua parceira Uber. Que fase!

Economia e Política

- Em entrevista ao Roda viva nesta segunda-feira (26) o juiz Sérgio Moro lembrou que, ao contrário do Brasil,  nos EUA e na França condenados no primeiro julgamento aguardam os recursos cumprindo a pena. Sugere que a prisão após o último julgamento e possibilidade de recursos tornam a justiça brasileira muito generosa. Processos que duram mais de anos acabam prescrevendo. "Na prática é a impunidade dos poderosos". Moro foi juiz assistente no processo do Mensalão, tendo trabalhado com a ministra Rosa Weber, de quem tem "especial apreço".

- Lula é oficialmente "ficha suja". Por 3 votos a 0, os embargos de declaração foram rejeitados nesta segunda-feira pelos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região. A Defesa do ex-presidente ainda pode pedir embargos em cima da decisão (sic, isso não tem fim!!). Agora depende do Tribunal Superior Eleitoral aceitar ou não a candidatura. Embora a Lei seja clara, a prudência manda aguardar. 

Empresas da Economia Digital

- Tim Cook pede por mais regulação sobre privacidade de dados em meio a repercussão do controvertido caso Facebook-Cambridge Analytica. A declaração foi registrada durante a sua participação no China Development Forum 2018, em Beijing, no último sábado (24/3).

I think that this certain situation is so dire and has become so large that probably some well-crafted regulation is necessary. The ability of anyone to know what you’ve been browsing about for years, who your contacts are, who their contacts are, things you like and dislike and every intimate detail of your life -- from my own point of view it shouldn’t exist.
We’ve worried for a number of years that people in many countries were giving up data probably without knowing fully what they were doing and that these detailed profiles that were being built of them, that one day something would occur and people would be incredibly offended by what had been done without them being aware of it... Unfortunately that prediction has come true more than once.
 Para Robin Li (chief Baidu) no mesmo evento:
China has become increasingly more aware of this problem and have been enforcing the relevant laws more definitely and strongly...I think the Chinese people are more open, or less sensitive about the privacy issue. If they are able to trade (privacy) for convenience, safety or efficiency – in a lot of cases they are willing to do that.

- Zuckerberg publica anúncios em jornais dos EUA e do Reino Unido com pedidos de desculpas: "Temos a responsabilidade de proteger sua informação" diz a manchete.

A situação está complicada para os lados do Facebook; me lembra a crise da Microsoft com o processo aberto contra ela pela União Européia em 1993.

- Investigadores da agência britânica de vigilância de dados revistaram durante 7 horas os escritórios da Cambridge Analytica em Londres. 18 agentes participaram das buscas na noite desta sexta-feira (23/3) saindo por volta das 3 AM do sábado, segundo o The Guardian. O mandado expedido por um juiz local dá aos agentes a permissão de examinar registros da Cambridge Analytica, empresa que enfrenta alegações de ter adquirido ilegalmente informações de milhões de usuários do Facebook para traçar perfis e alcançar eleitores durante campanhas políticas.

- Josh Constine (TechCrunch) defende outra tática de combate ao Facebook: minar a reputação da empresa de modo a fazer com que os melhores engenheiros desacreditem tratar-se do melhor lugar para desenvolver seus talentos ou causar algum impacto no mundo.

Com a reputação abalada, os melhores talentos migrariam para outras empresas. Uma ideia exótica e de resultados pouco significativos no curto prazo.

- A Apple pode estar se preparando para lançar ainda esse ano um iPhone X na cor "Copper Gold", de acordo com rumores publicados pelo site japonês Mac Otakara. O vídeo anexo mostra um iPhone 8 com aquela cor:





São Paulo, 27 de março de 2018