Skip to main content

#148 - Twitter busca ajuda na academia para investigar discurso tóxico na rede

Boa terça-feira galera. O Twitter foi buscar ajuda na academia para entender por que é uma mídia social tantas vezes tida como um feed de virulência e assédio por parte de seus usuários, ainda que concentre esforços no combate ao spam e às instâncias tóxicas em sua rede.


crédito: mspowerusers
 
Melanie Ehrenkranz (Gizmodo):
This research is part and parcel of the company’s larger mission to make its service less abusive and more productive—an admirable and essential effort. One that’s sorely belated.



Para realizar o trabalho a empresa escolheu dois parceiros: o primeiro irá ajudar a compreender o que chamou de "saúde da conversação pública" na plataforma:

Shannon Liao (The Verge):
The team will also create algorithms to track whether conversations on Twitter are “uncivil” or if they veer into “intolerant” in what could be hate speech. Uncivil conversations can sometimes be problematic, but they’re also good for political dialogue, while hate speech is “inherently threatening to democracy,” according to Twitter. The implication is that once the researchers successfully identify the differences between these two kinds of conversations, Twitter will become better equipped to target hate speech, while keeping uncivil discourse in check.

O segundo parceiro irá analisar como as pessoas usam o Twitter e como a exposição a uma variedade de perspectivas e backgrounds pode diminuir o preconceito e a discriminação.
...a smaller team formed by professors at the University of Oxford and the University of Amsterdam will similarly work off of the idea that echo chambers can’t be formed when people are exposed to a variety of ideas and perspectives and that diversity breeds open-mindedness. They will study whether the effects of positive online interaction can be carried across to the offline world.

2   Pelo terceiro trimestre consecutivo o Twitter apresentou lucros ao mercado com faturamento de $711 MM USD. Apesar dos números acima das expectativas, as ações da empresa despencaram 21% nesta sexta (27/7). Os investidores não curtiram a redução de 1 milhão de usuários ativos, resultado do expurgo de robôs, spams e outros lixos da rede.

Economia e política

3   Eis mais um daqueles sofismas utilizados por torcedores de candidatos no fla-flu das eleições. No caso de Geraldo Alckmin, o apoio massivo obtido junto ao chamado "centrão" fará diferença significativa em sua campanha. A dúvida é se ela será suficiente para bater seus contendores mais à esquerda e leva-lo ao segundo turno no provável embate com Bolsonaro.


4   Semana decisiva para escolha de vices. Nunca vi tanta gente preocupada com isso. O país finalmente aprendeu a importância dessa escolha. Michel Temer, nas últimas eleições, parece ter sido a gota d'água!

5   Mesada de R$100 mil depositada numa conta corrente conjunta do ministro Toffoli no Banco Mercantil do Brasil descoberta pela revista Crusoé deve incendiar as mídias sociais essa semana. Se houve indícios de irregularidade, por que o banco não enviou o caso para o Coaf (orgão do Mininistério da Fazenda) como seria de praxe?

6   Campanha para recuperar a imagem de Neymar após a Copa da Rússia ganhou na semana passada um comercial de TV feito para a Gillette. A falta de naturalidade na fala do craque compromete o pedido de desculpas e divide opiniões. Não será um trabalho fácil. Melhor que as respostas venham com atitudes em campo do que com palavras.





São Paulo, 31 de julho de 2018