Skip to main content

Posts

Showing posts from October, 2018

#239 - Oumuamua pode ser um objeto criado por extraterrestres! #EuAvisei

As primeiras observações foram inconclusivas. O objeto seria um cometa? Um asteroide, ou o quê? O Oumuamua foi visto pela primeira vez pelo Pan-STARRS-1, 40 dias após o objeto ter feito a sua maior aproximação em relação ao Sol, mais precisamente em 9/9 do ano passado.

Naquela época, os astrônomos avaliaram que o Omuamua parecia ter uma composição de rocha e metal, e que girava muito rapidamente. Caso fosse um cometa, deveria haver uma liberação de gás ao passar próximo do Sol. Não foi o caso. Seria então um asteroide?

Bem, observações mais recentes detectaram que o objeto passou a viajar em maior velocidade, ao contrário do que seria esperado, uma vez que não foi detectada qualquer liberação de gás (aka outgassing).

De acordo com os pesquisadores Schmuel Bialy e Abraham Loeb, em entrevista à Universe Today, há uma possibilidade de que o objeto seja uma vela solar - uma forma de espaçonave que depende de pressão de radiação para gerar propulsão.

Abraham Loeb (via Universe Today):
We ex…

#238 - NASA encerra oficialmente as operações do telescópio espacial Kepler

Após 9 anos de operação, o telescópio Kepler encerra suas atividades ao ter esgotado o seu estoque de combustível. O Kepler deixa um legado de descobertas com mais de 2.600 exoplanetas, muitos dos quais orbitando a sua estrela na chamada zona habitável.


Thomas Zurbuchen (NASA):
"As NASA's first planet-hunting mission, Kepler has wildly exceeded all our expectations and paved the way for our exploration and search for life in the solar system and beyond," said Thomas Zurbuchen, associate administrator of NASA's Science Mission Directorate in Washington. "Not only did it show us how many planets could be out there, it sparked an entirely new and robust field of research that has taken the science community by storm. Its discoveries have shed a new light on our place in the universe, and illuminated the tantalizing mysteries and possibilities among the stars.” 

As pesquisas relacionadas à descoberta de exoplanetas, no entanto, não sofrerão solução de continuidade.…

#237 - Proteção da Amazônia: risco em alta no governo Bolsonaro

As declarações acerca da criação de um ministério único para tratar dos temas ligados ao agronegócio e ao meio ambiente ecoaram em tom de crítica e preocupação por parte de diversas organizações ambientalistas do Brasil e do exterior.

Adele Peters (Fast Company):
Bolsonaro, who has aligned himself with agribusiness and mining companies, said that he wants to fold the Environment Ministry into the Agricultural Ministry, weaken enforcement of environmental laws, and end protections for indigenous land. “National parks and forests that are currently protected could fall victim to a series of legislative assaults, including executive orders that could sweep aside hard-won environmental and human rights protections on these territories,” says Christian Poirier - program director for the nonprofit Amazon Watch.
Para Peters, se o Brasil não cumprir seus compromissos, será difícil, ou mesmo impossível, alcançar as metas previstas no acordo de Paris. Uma alternativa, seria o comprometimento as…

#236 - Exoplanetas habitáveis são em menor número diz a ESA

Contrariando a posição da NASA quanto a existirem 30 exoplanetas com o tamanho aproximado da Terra orbitando estrelas na zona habitável, recentes observações da Missão Gaia (ESA) dão conta de que o número é bem menor do que o inicialmente considerado.

Ocorre que tais estrelas, segundo a Gaia, são mais brilhantes e maiores do que se acreditava. Tais exoplanetas seriam maiores e mais quentes, o que reduziria suas condições de habitabilidade.

Mike Wall (Space):
New observations by the European Space Agency's (ESA) Gaia spacecraft suggest that the actual number is probably significantly smaller — perhaps between two and 12, NASA officials said today (Oct. 26).  Gaia launched in December of 2013 to create an ultraprecise 3D map of the Milky Way. So far, this map includes position information for about 1.7 billion stars and distance data for about 1.3 billion stars, according to NASA officials.

Missão Gaia (Wikipedia):
Gaia está criando um mapa tridimensional extremamente preciso de estre…

#235 - Recorde de aproximação do Sol: nunca chegamos tão perto

O recorde de aproximação foi batido pela Parker Solar Probe nesta segunda-feira (29/10) por volta das 1:04 p.m. EDT, segundo a equipe de controladores. A sonda da NASA bateu recorde atual de 26,55 milhões de milhas de distância em relação à superfície do Sol. A previsão é que em algum momento de 2024 a aproximação seja de incríveis 3,83 milhões de milhas.


Rob Garner (NASA):
The Parker Solar Probe team periodically measures the spacecraft's precise speed and position using NASA's Deep Space Network, or DSN. The DSN sends a signal to the spacecraft, which then retransmits it back to the DSN, allowing the team to determine the spacecraft's speed and position based on the timing and characteristics of the signal. Parker Solar Probe will begin its first solar encounter on Oct. 31, continuing to fly closer and closer to the Sun's surface until it reaches its first perihelion — the point closest to the Sun — at about 10:28 p.m. EST on Nov. 5. The spacecraft will face brutal …

#234 - Mars Insight: o que seus instrumentos dirão sobre o interior do planeta

O pousador InSight da NASA encontra-se nesse momento a caminho de Marte. O experimento científico foi lançado ao espaço em 5 de maio último no topo de um foguete Atlas V da United Launch Alliance (ULA) - um empreendimento conjunto da Lockheed Martin Space Systems e Boeing Defense, Space & Security, criado em 2006 e com sede no Colorado.

Eram 7:05 a.m., hora local da base aérea Vanderberg, quando o lançador da ULA rasgou os céus da Califórnia a caminho de uma das mais importantes missões científicas atribuídas a um pousador em Marte, qual seja, coletar dados sobre a estrutura interna do planeta.

Os cientistas querem entender como Marte foi formado, comparando os achados com os dados obtidos na Terra. Trata-se da primeira missão interplanetária da agência americana desde o envio do rover Curiosity em novembro de 2011.




O InSight, - acrônimo para "Interior Exploration Using Seismic Investigations, Geodesy and Heat Transport" - leva consigo três instrumentos de exploração.

Sei…

#233 - Cosmic Girl: a Virgin Orbit testa seu lançador de satélites visando 2019

O lançador de satélites LauncherOne foi acoplado pela primeira vez sob a asa do Boeing 747-400 adaptado da Virgin Orbit. A "Cosmic Girl", como foi batizada a aeronave, fará em breve o primeiro voo de testes sem liberar o lançador. Só numa etapa seguinte os engenheiros irão soltar o LauncherOne para estudar o comportamento do mecanismo de liberação no 747.


Mike Wall (Space):
Branson anticipates moving through these milestones rather quickly; in today's blog post, he predicted that LauncherOne would reach orbit "early next year."  The 21 meters LauncherOne can deliver satellites weighing up to 500 kilograms to a variety of low Earth orbits. Cosmic Girl will carry the booster to an altitude of about 10,700 m, at which point LauncherOne will separate and make its own way to space.
EP #000 (dez/15):
Esse é mais um passo na corrida para colocar satélites de baixo custo na órbita da Terra. Nomes conhecidos como Page, Musk, Zuckerberg e Bezos também estão nessa disputa c…

#232 - Cabos que se auto-reparam podem viabilizar os elevadores espaciais

Construir elevadores espaciais para levar passageiros e cargas para a órbita da Terra tem sido um desafio para a engenharia há anos. A mais recente ideia, publicada no Journal of the Royal Society Interface, é que um dia se possa criar um mecanismo de auto-reparo dos cabos inspirado na biologia.

A atual tecnologia não possibilita produzir um feixe de cabos forte o suficiente para se estender por centenas de quilômetros até um contrapeso no espaço.


A rotação da Terra manteria o feixe esticado e um veículo de transporte percorreria o cabo na velocidade de um trem.

A solução natural seria utilizar nanotubos de carbono que podem ser até 100 vezes mais resistentes que o aço a 1/6 do seu peso. Porém, a tecnologia disponível não permite a produção de cabos daquele material com mais de 55 cm.

Enquanto isso, experimentos com um modelo em escala de um desses elevadores estão prestes a serem realizados no espaço pelo pessoal da Estação Espacial Internacional (ISS).

Zoey Chong (c/net):
The experim…

#231 - Urban Air Mobility (UAM) uma nova fronteira para a aviação

Comprometida em apoiar a nova indústria de mobilidade aérea urbana, a NASA trabalha em conjunto com a comunidade para identificar e abordar os principais desafios que o setor terá pela frente.

Nos próximos dias 1 e 2/11, a NASA irá reunir a comunidade para discutir o que chamou de "Urban Air Mobility Grand Challenge Plan". Em seu convite à imprensa, publicado nesta quinta-feira (25/10), a NASA esclarece o conceito:
Urban Air Mobility (UAM) is defined as a safe and efficient system for passenger and cargo air transportation in and around an urban area. Several companies currently are working to develop vehicles and the infrastructure necessary to make UAM a reality.

Aeronautics Research / NASA:
In 2020, NASA will host a UAM ecosystem-wide challenge for participants to execute system level safety and integration scenarios within a robust and relevant environment. The goal of this first in a series of UAM Grand Challenges, which we are calling GC-1, is to promote public confide…

#230 - Ultima Thule: o que quer que façamos será histórico

Se tudo correr como esperado, na virada para 2019 a New Horizon chegará a Ultima Thule, o objeto mas distante da Terra que uma sonda já alcançou. O objeto, na verdade um Kuiper Belt Object (KBO), orbita o Sol a uma distância de 46 UA em seu afélio e 42 UA em seu periélio (ponto mais próximo do Sol).

Pouco se sabe acerca do 2014 MU 69 (como é oficialmente chamado), além de que completa a sua órbita em torno do Sol a cada 297 anos e tem um tamanho estimado entre 30-45 KM em formato alongado. Thule é uma relíquia congelada que remonta ao nascimento do Sistema Solar.


Ultima Thule, "além das fronteiras mais distantes", em latim, pode se tratar de um sistema binário - no qual dois objetos orbitam um em torno do outro, os astrônomos não estão certos quanto a isso. "Realmente não temos ideia do que esperar" disse Alan Stern, pesquisador do Southwest Research Institute em Boulder, Colorado. "O que quer que façamos será histórico", completou Stern.

A New Horizon, p…

#229 - Fábricas de captura de CO2 já são uma realidade

Em meio a diversas iniciativas para redução das emissões de CO2, aquela ligada a remoção de carbono da atmosfera e posterior utilização na indústria é uma das mais promissoras. A Climeworks, líder mundial em tecnologia de captura de CO2 fundada em 2009 na Suíça, produz equipamentos coletores que capturam o CO2 do ar visando a comercialização, a transformação em outros produtos ou o simples armazenamento no solo.

Vejam como funciona a engenhosa solução criada pelos engenheiros Christoph Gebald e Jan Wurzbacher.

Adele Peters (Fast Company):
Small fans pull air into the collectors, where a sponge-like filter soaks up carbon dioxide. It takes two or three hours to fully saturate a filter, and then the process reverses: The box closes, and the collector is heated to 212 degrees Fahrenheit, which releases the CO2 in a pure form.

De acordo com Jan Wurzbacher, co-fundador e diretor da Climeworks:
One CO2 collector has the same footprint as a tree. It takes 50 tons of CO2 out of the air every y…

#228 - Hubble de volta: NASA usa uma velha técnica de destravar computadores

A NASA anunciou que o seu mais famoso telescópio espacial está de volta. "Back to science!" disseram eles pelo Twitter nesta segunda-feira (22/10). Segundo a descrição da agência espacial:

NASA:
"In an attempt to correct the erroneously high rates produced by the backup gyro, the Hubble operations team executed a running restart of the gyro on Oct. 16th. This procedure turned the gyro off for one second, and then restarted it before the wheel spun down. The intention was to clear any faults that may have occurred during startup on Oct. 6th, after the gyro had been off for more than 7.5 years. However, the resulting data showed no improvement in the gyro's performance.  On Oct. 18th, the Hubble operations team commanded a series of spacecraft maneuvers, or turns, in opposite directions to attempt to clear any blockage that may have caused the float to be off-center and produce the exceedingly high rates. During each maneuver, the gyro was switched from high mode to …

#227 - Marcos Pontes, o astronauta, terá 3% do PIB para Ciência e Tecnologia

Seguindo a lógica da meritocracia em contraposição ao velho "toma lá, dá cá", Bolsonaro afirmou em carta à Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e à Academia Brasileira de Ciências (ABC) que o engenheiro aeronáutico do ITA Marcos Pontes será o seu ministro da Ciência e Tecnologia, caso seja eleito no pleito deste domingo (28/10).

Segundo a carta, Pontes pede que o governo seja agressivo na estratégia de investimento e argumenta que países desenvolvidos investem até 3% do PIB em ciência, tecnologia e inovação.

Nos planos do presidenciável esse patamar seria atingido até o fim do seu mandato e contaria com recursos públicos e privados alcançando algo entre R$10 bilhões e R$15 bilhões.

Plano de Governo (Bolsonaro 2018):
O modelo atual de pesquisa e desenvolvimento no Brasil está totalmente esgotado. Não há mais espaço para basear esta importante área da economia moderna em uma estratégia  centralizada, comandada de Brasília e dependente exclusivamente de recurs…

#226 - Soyuz: investigação do acidente será completada em outubro

Em pouco mais de uma semana teremos notícias da Roscosmos acerca das causas do acidente com o foguete que levava dois astronautas para a ISS no início do mês. A publicação de um relatório preliminar foi anunciada no último sábado (20) pela agência russa. Ainda sem qualquer posição oficial restam as especulações. 
A causa mais provável do acidente com a Soyuz teria sido a falha em uma das quatro cintas que prendem os boosters ao foguete principal, ocorrida dois minutos após a decolagem. A separação dos boosters não se deu de forma "limpa" como se pode ver em vídeos feitos a partir do solo. Eis como ocorre a separação (aka Korolev Cross*) em condições normais: 

EP #215 (16/10):
Desde a falha com o sistema de boosters da nave Soyuz MS-10 ocorrida minutos após o lançamento em 11/10 último, a comunidade científica, engenheiros espaciais, ex-astronautas e outros envolvidos com as atividades da ISS, ligaram o sinal de alerta para a possibilidade dos 3 astronautas atualmente em órbi…

#225 - Startup de veículos autônomos ativa segunda rota no Texas

Moradores e visitantes da cidade de Arlington, Texas, já podem usar o novo transporte com veículos autônomos da startup drive.ai. O serviço está disponível em rotas fixas. Fãs de esporte podem ir aos jogos do Dallas Cowboys no AT&T Stadium e nos jogos dos Texas Rangers no Globe Life Park. As vans são utilizadas sem custos para o passageiro, segundo a startup.



EP #090 (8/5):
Vans da Nissan modelo NV200 como essa da foto, podem em breve se tornar os primeiros veículos autônomos a pegar passageiros no Estado do Texas.  A drive.ai  é uma startup de Mountain View (CA), fundada em 2015 por estudantes da Universidade de Stanford. A empresa começa agora a atuar na pequena cidade de Frisco situada na área metropolitana de Fort Worth. 


São Paulo, 23 de outubro de 2018

#224 - Bélgica opta por caças F-35 para substituir os velhos F-16

A decisão é dada como certa pela agência "Belga" que cita várias fontes governamentais. Se a decisão for confirmada será o fim de um longo processo de negociação. O Eurofighter Typhoon (da BAE Systems) é o concorrente direto do F-35 proposto pelo governo dos EUA. 
Michaël Torfs (vrt):
The selection procedure was started in March last year, 19 months ago. The contract is worth 3.5 billion euros, but if the F-35 fighter jets will have a lifespan of 40 years, this amount will reach 15 billion.  The American government proposed the F-35 Lightning II from the Lockheed Martin group. The offer officially ran until last Sunday, but is said to have been extended with two weeks. 

A decisão era esperada para julho, antes da reunião da OTAN em Bruxelas. Ela foi postergada devido as eleições locais no último domingo e preocupações sobre um relatório sugerindo que a vida da atual frota de F-16 (também produzidos pela Lockheed Martin) poderia ser estendida.

Washington prorrogou o prazo par…

#223 - A Space Force pode ser uma ameaça à NASA?

Desde a decisão de criar um braço espacial para as Forças Armadas dos EUA, paira no ar certa inquietação quanto a possível sobreposição de funções entre a Space Force e a NASA. Uma eventual transferência de projetos causaria drenagem de cérebros, possíveis cortes no orçamento (já considerado baixo) da agência e atraso em missões já contratadas.

Dado não ser clara a missão geral da Space Force, fica em aberto a possibilidade de que novos esforços visando acelerar os voos espaciais tripulados venham a ser colocados sob controle militar.  
EP #118 (19/6):
A decisão de criar a Space Force como mais um braço das Forças Armadas foi comunicada pelo presidente Trump nesta segunda-feira (18/6) durante o encontro do National Space Council (NSC). “When it comes to defending America, it is not enough to merely to have an American presence in space, we must have American dominance in space... Very importantly, I am hereby directing the Department of Defense and Pentagon to immediately begin the …

#222 - BepiColombo inicia sua longa jornada rumo a Mercúrio

Partiu nesta sexta-feira (19/10) do Centro Espacial de Kourou na Guiana Francesa a primeira missão euro-japonesa em direção a Mercúrio. Um módulo de transferência (MTM) e duas sondas - Mercury Planetary Orbiter (MPO) e  Mercury Magnetospheric Orbiter (MMO) - decolaram no topo de um foguete Ariane 5 para uma difícil e longa jornada de 7 anos até o nosso menor vizinho planetário.


Mercúrio se move a uma velocidade orbital média de 47,4 km/s, levando apenas 88 dias para dar um volta completa em torno do Sol.

Além de ser rápida para alcançar o planeta, a BepiColombo* terá que lutar contra a forte gravidade do Sol para se manter no curso. Felizmente, isso não é novidade para a nossa engenharia espacial.

A sonda Mariner 10 (lançada em nov/73) esteve por lá entre 1974 e 1975, fazendo o mapeamento inicial do planeta, e a Messenger, entre 2008 e 2015, completando o trabalho.

Megan Bartels (Space):
The mission's series of flybys — one of Earth in April of 2020, two of Venus in 2020 and 2021, …

#221 - China na era das luas artificiais?

Executivo do setor espacial quer utilizar um satélite para iluminar a cidade de Chengdu, China. A ideia seria substituir as luzes das ruas e economizar energia elétrica, diz. A "lua artificial", até oito vezes mais brilhante do que a Lua, seria lançada em 2020 para cobrir uma área entre 10-80 km da cidade. De acordo com o The People's Daily, o satélite é "projetado para complementar a Lua durante a noite". No modo de iluminação focado a luz pode ser concentrada numa faixa com poucas dezenas de metros.


Elle Hunt (The Guardian):
The vision was shared by Wu Chunfeng, the chairman of the private space contractor Chengdu Aerospace Science and Technology Microelectronics System Research Institute Co (Casc), at a national mass innovation and entrepreneurship event held in Chengdu last week. Wu reportedly said testing had begun on the satellite years ago and the technology had now evolved enough to allow for launch in 2020. The People’s Daily report credited the idea t…

#220 - Ryugu: coleta de amostras do asteroide ainda se mostra perigosa

A sonda Hayabusa2 pode precisar de uma área de apenas 10 metros de largura para tocar a superfície (touch down) do asteroide e realizar a coleta, concluiu o comando da missão após um ensaio realizado pela sonda no último dia 15/10.

Pelo plano original, a agência espacial japonesa (JAXA) esperava encontrar uma área de 50 metros de largura e com nada mais alto do que 50 cm no local. De ponta a ponta a sonda tem 6 metros de largura.

EP #208 (13/10):
Após o bem sucedido envio de dois rovers [Minerva-II-1] e de um pousador [MASCOT] para a superfície do asteroide Ryugu, a sonda japonesa Hayabusa2 pode não executar a terceira e mais importante etapa de sua missão. Pelo menos por enquanto. Até o final de outubro a sonda deveria realizar um rápido pouso no asteroide e coletar material para ser trazido na viagem de volta à Terra. No entanto, o pessoal do programa espacial japonês (JAXA) não está encontrando um local adequado para descer. "Esperávamos que a superfície fosse lisa, mas parece…

#219 - NASA quer propostas de cargas científicas para a Lua

A NASA publicou nesta quinta-feira (18/10) o texto final do programa Lunar Surface Instrument and Technology Payloads (LSITP). Trata-se de uma solicitação de propostas de cargas a serem levadas à superfície Lua pelos futuros serviços de transporte - Commercial Lunar Payload Services (CLPS) - também em fase de licitação pela agência.

EP #216 (17/10):
Charyl Warner (NASA): NASA is returning to the Moon with commercial and international partners as part of an overall agency Exploration Campaign in support of Space Policy Directive 1. It all starts with robotic missions on the lunar surface, as well as a Gateway for astronauts in space beyond the Moon followed by human missions to the surface. Right now, NASA is preparing to purchase small lunar payload delivery services, advance development of lunar landers for human missions, and conduct more research on the Moon’s surface ahead of a human return. 
Na presente licitação, diz a NASA, a solicitação se refere a cargas que não requeiram des…

#218 - Reabastecer satélites no espaço: uma ideia ambiciosa

Satélites que custam centenas de milhões de dólares ainda com capacidade operacional têm sido abandonados no espaço por falta de combustível. O custo de reabastecimento sempre foi proibitivo, mas isso agora pode mudar.

A Effective Space Solutions, uma empresa fundada em Israel e com headquarter no Reino Unido, está empenhada em resolver essa questão. Aumentar a vida útil dos satélites significa tornar mais baratas as operações no espaço. O telescópio Kepler é um dos equipamentos que poderiam  se beneficiar com o reabastecimento espacial.


EP #210 (16/10):
Após algumas semanas fora de operação, o Kepler volta a ser ativado pela equipe da missão. Essa passou a ser a rotina do famoso telescópio da NASA que pode completar 10 anos de serviço em maio de 2019. Nesse período, o Kepler superou um grave problema em seu sistema de orientação e por pouco não foi aposentado prematuramente. Agora, com seus estoque de combustível no final, a NASA faz manobras operacionais visando estender a vida útil…

#217 - Horizonte de eventos em buracos negros: eis como as primeiras imagens irão se parecer

O maior objeto em nosso céu noturno é invisível para nós. Trata-se de um "buraco negro super-massivo" (SMBH) posicionado no centro da Via Láctea, chamado Sagitário A*.

Há décadas os astrônomos são capazes de inferir a existência dos buracos negros por conta do efeito que causam na matéria que ousa deles se aproximar. Agora, a imagem que os cientistas estão empenhados em criar é da matéria superaquecida caindo em direção ao buraco negro [Sagitário A*] e emitindo luz.

Quando essa luz passa pelo horizonte de eventos (Event Horizon) - que funciona como uma enorme lente por conta da força gravitacional do buraco negro - essa luz é desviada.

Assim, ela acaba delimitando uma região escura que os astrônomos chamam de "sombra do horizonte de eventos do buraco negro" - que mede cerca de 2 x o tamanho do horizonte de eventos, algo como 30 milhões de quilômetros.


Em 2006, um ambicioso projeto criou o maior telescópio do mundo com o objetivo de criar a tal imagem.

O Event Horiz…

#216 - Transporte de carga para Lua: começa a competição entre empresas

A Draper, uma empresa com participação na industria espacial dos EUA desde os idos do programa Apollo, anunciou no último dia 9/10 ter submetido uma proposta para participar do Commercial Lunar Payload Services (CLPS) da NASA. A ideia é desenvolver um pequeno pousador capaz de transportar cargas científicas para a superfície da Lua.

Charyl Warner (NASA):
NASA is returning to the Moon with commercial and international partners as part of an overall agency Exploration Campaign in support of Space Policy Directive 1. It all starts with robotic missions on the lunar surface, as well as a Gateway for astronauts in space beyond the Moon followed by human missions to the surface. Right now, NASA is preparing to purchase small lunar payload delivery services, advance development of lunar landers for human missions, and conduct more research on the Moon’s surface ahead of a human return. 
Draper:
NASA announced its CLPS program in December 2017 and invited commercial partners to form teams to …

#215 - ISS pode ficar sem ocupantes. Entenda os riscos

Desde a falha com o sistema de boosters da nave Soyuz ocorrida minutos após o lançamento em 11/10 último, a comunidade científica, engenheiros espaciais, ex-astronautas e outros envolvidos com as atividades da ISS, ligaram o sinal de alerta para a possibilidade dos 3 astronautas atualmente em órbita, terem que retornar à Terra prematuramente.

EP #204 (11/10):
Se as investigações não conduzirem a uma solução que garanta a segurança do lançamento até dezembro próximo, a ISS poderá ficar sem ocupantes pela primeira vez desde a sua entrada em operação no ano 2000. De acordo com o protocolo, a nave Soyuz só pode permanecer atracada à ISS por cerca de 200 dias, significando que os 3 astronautas atualmente no espaço terão que retornar com ela.

Para Leroy Chiao, CEO da OneOrbit LLC e ex-astronauta da NASA entre 1990 e 2005, é incerto quanto tempo a Roscosmos levará para determinar a causa da falha e realizar os reparos necessários na Soyuz.

Chiao descreve a seguir uma sequência de possíveis ev…

#214 - Kepler: NASA traz telescópio espacial de volta à operação

Após algumas semanas fora de operação, o Kepler volta a ser ativado pela equipe da missão. Essa passou a ser a rotina do famoso telescópio da NASA que pode completar 10 anos de serviço em maio de 2019. Nesse período, o Kepler superou um grave problema em seu sistema de orientação e por pouco não foi aposentado prematuramente. Agora, com seus estoque de combustível no final, a NASA faz manobras operacionais visando estender a vida útil do telescópio o quanto possível. Reabastecer não é uma opção.

Mike Wall (Space):
In May 2013, the second of Kepler's four orientation-maintaining reaction wheels failed, bringing an end to the observatory's original mission. But Kepler's handlers figured out a way to stabilize the spacecraft using the remaining wheels and sunlight pressure, and Kepler soon embarked on an extended mission called K2. During K2, Kepler has been hunting for exoplanets and observing a variety of other objects and phenomena, over the course of shifting 80-day campa…

#213 - Marte: procurando um lugar para pousar? Fale com um especialista

Já faz tempo que o mundo está pra lá de especializado. Quando se trata de ciência e tecnologia então nem se fala. Descobri esses dias um pesquisador que se auto intitula "o cara dos locais de pouso". É isso, o sujeito (um cientista, é claro) trabalha na NASA com a exclusiva tarefa de descobrir possíveis locais de pouso na superfície de Marte.

Matt Golombek passou os últimos 20 anos identificando, avaliando e ajudando a selecionar os lugares mais adequados para envio de missões como o Pathfinder - que levou o pequeno Soujourner (foto) a Marte em 1997.


Golombek elabora mapas identificando acidentes geográficos, composições minerais e outros itens que os engenheiros utilizam em suas simulações.

Marina Koren (The Atlantic):
Golombek is currently leading the effort to pick a landing site for the Mars 2020, an unnamed NASA rover set for launch in 2020. The rover will be equipped with tools designed to drill and collect samples of rock and soil on the surface, where they'll wai…