Skip to main content

#194 - Alô Terra: amostras do asteroide logo estarão a caminho!

Boa quarta-feira galera. A confirmação foi feita pelo Centro Aeroespacial Alemão (DLR) na noite desta terça-feira (2/10). Às 22:58 hs (Brasília) o pousador de fabricação alemã, MASCOT (Mobile Asteroid Surface Scout), iniciou as medições geológicas na superfície do asteroide Hyugu, atualmente a 300 milhões de quilômetros da Terra. "A MASCOT foi ejetada de uma altitude de 51 metros e desceu em queda livre para o seu destino, o asteroide", diz o press release do DLR. A operação foi um pleno sucesso.

German Aerospace Center (DLR):
With MASCOT, we have the unique opportunity to study the Solar System’s most primordial material directly on an asteroid, emphasises DLR planetary researcher Ralf Jaumann. With the data acquired by MASCOT and the samples that Hayabusa2 brings to Earth from Ryugu in 2020, scientists will not only learn more about asteroids, but more about the formation of the Solar System. Asteroids are very primordial celestial bodies.

A liberação da MASCOT, a coleta das amostras por parte da sonda japonesa Hayabusa2 e o posterior envio à Terra no interior de uma pequena cápsula, podem ser melhor compreendidos a partir da seguinte animação:



Há 10 dias atrás, a sonda já havia despachado dois rovers de pesquisa para a superfície do asteroide. Juntos, eles formam um pacote científico de 3,3 kg conhecido como Minerva II-1.

EP #187 (23/9):
Os rovers (Minerva-II-1) despachados pela sonda Hayabusa 2 pousaram com sucesso na madrugada deste sábado (22/9, BRL) no asteroide Ryugu. Os Rover-1A e Rover-1B tiraram as primeiras fotos e realizaram o primeiro salto com sucesso, informou o gerente do projeto Hayabusa2, Yuichi Tsuda pelo Twitter. Os dois estão em boas condições e ao menos um deles está se movendo na superfície do asteroide. O Minerva-II-1 é o primeiro rover do mundo a pousar na superfície de um asteroide. 

crédito: JAXA

Eleições 2018

2  Caciques do Centrão se reúnem dia 9/10 para decidir quem apoiam no segundo turno, diz o pessoal da @RevistaCrusoe. Fossem menos fisiológicos e mais responsáveis, decidiriam por uma pauta mínima para apoiar no Congresso,   capaz de reverter a "herança maldita" dos anos petistas.

3  Mostrar as chances de Ciro e Alckmin serem eleitos não é apenas inócuo no sentido de mudar a intensão de voto de bolsonaristas e de petistas, mas uma situação praticamente impossível de ser alterada, mantidas as CNTP's. Estamos  apenas a 5 dias do pleito!

4  Bancada do agronegócio ao lado de Jair Bolsonaro quebra a narrativa de falta de apoio no Congresso para governar. Ahhh, mas e as bancadas da bola, da bala e da bíblia? Aguardem mais um par de semanas, (ou nem isso). Edir Macedo, o líder da poderosa Igreja Universal, já declarou seu apoio a Bolsonaro. Confiram.

5  A onda anti petista formou, diz William Waack (video de hoje), antes mesmo da publicação da pesquisa do Datafolha. Já há quem aposte numa repetição de 2016, quando João Doria (PSDB) nocauteou Haddad (PT) no primeiro turno da eleição paulistana. A ver.


6  Pesquisa Datafolha desta terça-feira (2/10) para presidente:

Bolsonaro (PSL)....... 32% 
Haddad (PT)............ 21%
Ciro (PDT).................11% 
Alckmin (PSDB)..........9%
Marina (Rede)............4% 
Amoêdo (Novo) ........ 3%

crédito: Datafolha

7  Voto feminino em Bolsonaro avançou 6% na última semana. Os protestos com a hashtag "#elenão" tiveram o resultado contrário ao esperado pelo PT. Seu candidato perdeu 1% dos votos das mulheres em relação às duas pesquisas anteriores.


Economia e política

8  Antes de criticar a ONU por tudo o que consideram como "políticas inadequadas sendo impostas ao Brasil", verifiquem que, na maioria das vezes [e geralmente muito tempo antes], tratados internacionais foram assinados pelos políticos que nós mesmos elegemos.



São Paulo, 3 de outubro de 2018