Skip to main content

#233 - Cosmic Girl: a Virgin Orbit testa seu lançador de satélites visando 2019

O lançador de satélites LauncherOne foi acoplado pela primeira vez sob a asa do Boeing 747-400 adaptado da Virgin Orbit. A "Cosmic Girl", como foi batizada a aeronave, fará em breve o primeiro voo de testes sem liberar o lançador. Só numa etapa seguinte os engenheiros irão soltar o LauncherOne para estudar o comportamento do mecanismo de liberação no 747.

crédito: Virgin Orbit

Mike Wall (Space):
Branson anticipates moving through these milestones rather quickly; in today's blog post, he predicted that LauncherOne would reach orbit "early next year." 
The 21 meters LauncherOne can deliver satellites weighing up to 500 kilograms to a variety of low Earth orbits. Cosmic Girl will carry the booster to an altitude of about 10,700 m, at which point LauncherOne will separate and make its own way to space.

EP #000 (dez/15):
Esse é mais um passo na corrida para colocar satélites de baixo custo na órbita da Terra. Nomes conhecidos como Page, Musk, Zuckerberg e Bezos também estão nessa disputa com Sir Richard Branson, CEO da Virgin.
Cada um desses milionários empreendedores ou tem um parceiro na área de telecomunicações ou está investindo um no projeto do outro [caso Page/Musk] para fazerem essa coisa toda acontecer.
No caso da Virgin Galactic, a parceria é com a Qualcomm e com Greg Wyler (ex-Google) da OneWeb - já falamos sobre isso aqui no blog no início de 2015.


São Paulo, 27 de outubro de 2018