Pular para o conteúdo principal

#351 - Novo presidente da AEB quer elevar nossa área espacial à condição de programa de Estado

O Ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Marcos Pontes, empossou nessa quarta-feira (23/1) o novo presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), o Coronel Engenheiro da Reserva Carlos Augusto Teixeira de Moura.

O novo presidente da AEB destacou o compromisso de alavancar o Programa Espacial Brasileiro em seu mandato. O Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) certamente será o foco das ações.

Crédito: Brasilian Space

Ten. Carlos Balbino (FAB): citando Carlos A. T. de Moura
A meta é elevarmos o nosso programa espacial à verdadeira condição de programa de Estado.
Por isso, precisamos unir a nossa ciência aplicada à tecnologia, ou seja, a toda a base tecnológica que temos de forma que possamos utilizar as aplicações possíveis para atender às necessidades da sociedade brasileira.
Precisamos obter mais recursos, com o apoio dos nossos parceiros, como a Embrapa, o Ministério da Agricultura, a Agência Nacional do Petróleo.
Também vamos buscar outras entidades que se beneficiam de aplicações espaciais. 

Para o Diretor do Centro de Lançamento de Alcântara, Coronel Aviador Marco Antônio Carnevale Coelho:
O CLA tem uma aproximação grande com a AEB e ela tenderá a se ampliar. O Centro Espacial de Alcântara é o norte para o Programa Espacial Brasileiro.
Acredito que nós temos todos os ingredientes na dimensão exata para o sucesso do programa. Toda a sociedade brasileira ganha na medida em que cada satélite colocado em órbita por meio de Alcântara seja um produto nacional.



São Paulo, 24 de janeiro de 2019

Assine o Feed        Apoie o Ex Post no Apoia.se