Pular para o conteúdo principal

S-400 e F-35: incompatíveis no mesmo cliente?

O S-400 é um computador. O F-35 é um computador. Você não conecta seu computador ao computador de seu adversário e isso é basicamente o que estaríamos fazendo, disse Katie Wheelbarger, assistente da Secretaria de Defesa dos EUA.

Melhor forma de explicar que essa, só desenhando não é mesmo? O impasse Turquia / EUA continua. Os americanos se recusam a entregar os caças F-35 a menos que Erdogan volte atrás nas encomendas das baterias antiaéreas russas. O presidente da Turquia pode, com isso, estar jogando fora  vários anos de parceria com os EUA no Programa F-35, além de um longo relacionamento com os países da OTAN.

S-400. Crédito: Mint Press News

Ex Post (7/3):
O presidente da Turquia Tayyip Erdogan disse nessa quarta-feira (6/3) que o negócio com as baterias antiaéreas S-400 já está feito. Seria imoral para o seu país virar as costas para o acordo com a Rússia, completou o presidente turco numa entrevista ao canal Kanal 24.
No dia anterior, o Departamento de Estado americano disse que os EUA terão que reavaliar a participação de Ancara no programa do caça F-35 caso a compra dos S-400 se concretize.
Esta semana, o principal comandante militar dos EUA para a Europa, general Curtis Scaparrotti, disse no Congresso que o uso do sistema russo de defesa antimísseis terra-ar seria uma ameaça aos F-35.



São Paulo, 21 de março de 2019

Assine o Feed        Apoie o Ex Post no Apoia.se

Ex Post #421